[página inicial do gretl]

Gretl: Gnu Regression, Econometrics and Time-series Library

para Microsoft Windows

Requisitos de sistema

Desde a versão 1.9.4, o gretl requer o Windows XP ou superior e um processador que suporte o conjunto de instruções SSE2. O suporte a SSE2 encontra-se em todos os processadores modernos; ele está ausente nas CPUs AMD anteriores ao Athlon 64, e nos CPUs Intel anteriores ao Pentium 4. Para versões do gretl que corram em sistemas mais antigos, ver abaixo.

Downloads

Se você tiver direitos de "power-user" ou melhor no Windows, escolha um auto-instalador da primeira ou segunda coluna abaixo; basta fazer download e correr o arquivo exe. Isto aplica-se à maioria dos usuários.

Se você tiver direitos de administração no Windows escolha um arquivo zip a partir da terceira coluna; descomprima-o numa localização em que tenha permissões de escrita. Nota: você tem que preservar a estrutura interna dos diretórios do arquivo, ou o gretl não funcionará. Quando descomprimir programas esta opção poderá chamar-se "preservar pastas". O arquivo completo está numa pasta chamada gretl. Por exemplo, se você descomprimir o arquivo para a diretoria c:\userdata, o programa gretl GUI estará em c:\userdata\gretl\gretlw32.exe.

O "snapshot" (versão de desenvolvimento) do gretl está sempre mais atualizado do que a versão oficial: normalmente contém correções de erros mas pode conter também novos erros. Para saber o que existe novo no "snapshot", dê uma vista de olhos no Registo/Registro de alterações do gretl (na entrada "in progress").

Nota: a versão de 32-bit do gretl funcionará num Windows a 64-bit mas não o contrário. Se você não tiver a certeza se a sua instalação do Windows é de 64-bit ou não, você pode ver Microsoft knowledge base.

 

auto-instalador (32-bit)

auto-instalador (64-bit)

OU

arquivo zip (sem direitos administrativos)

versão mais recente (Mai 2, 2014)

gretl-1.9.90.exe

gretl-1.9.90-64.exe

 

gretl-1.9.90-win32.zip

OU "snapshot" atual

gretl_install.exe

gretl_install-64.exe

 

gretl-win32.zip

Os executáveis são criados com compilação cruzada no GNU/Linux usando mingw32 e GTK para Windows (obrigado Tor Lillqvist!). O instalador livre é cortesia de Jordan Russell.

Extras opcionais que você poderá querer instalar

X-12-ARIMA (modelos ARIMA, ajustamento sazonal)

x12a_install.exe

TRAMO/SEATS (modelos ARIMA, ajustamento sazonal)

ts_install.exe

Conjuntos de dados para Introductory Econometrics de Wooldridge

wooldridge_data.exe

Conjuntos de dados para Basic Econometrics de Gujarati

gujarati_data.exe

Conjuntos de dados + scripts (sequências de comandos) para Introduction to Econometricsde Stock e Watson

stock_watson.exe, stock_watson_2.exe

Conjuntos de dados + scripts (sequências de comandos) para Principles of Econometrics de Hill, Griffiths e Lim

POE4data.exe, POE4scripts.exe

Conjuntos de dados para Econometric Theory and Methods de Davidson e MacKinnon

ETM_data.exe

Conjuntos de dados para Guide to Modern EconometricsMarno Verbeek's

verbeek_data.exe

Acima são todos instaladores auto-descomprimíveis. Você tem que instalar gretl antes de instalar os itens extra.

gretl para sistemas mais antigos

Para sistemas antigos, gretl 1.9.3 funciona em Windows 2000 (e não necessita SSE2), e gretl 1.6.5 é a versão mais recente que funciona no Windows 98.

Suporte a múltiplas línguas

Para além do Inglês, o gretl suporta Albanês, Alemão, Basco, Búlgaro, Catalão, Chinês Tradicional, Espanhol, Francês, Galego, Grego, Inglês, Italiano, Polaco/Polonês, Português, Russo, Checo/Tcheco e Turco. Normalmente não deve ser necessário fazer alguma ação para que o gretl apareça na língua local: o programa vem com todas as traduções e elas devem ser escolhidas automaticamente, baseadas nas definições regionais do seu computador. No entanto, em alguma circunstâncias, pode ser necessário ajustar as definições de língua de modo a obter o resultado esperado. Isto pode ser feito a partir do painel de controle do Windows.

Atualizando gretl

Quando atualizar uma instalação existente do gretl, é boa idéia em primeiro correr o programa desinstalador unins000.exe, que se encontra na pasta principal do gretl. Isto garante que não ocorrerão comportamentos estranhos devido a definições incorretas no registo/registro do Windows, ou DLLs desadequados. Repare que ao correr o desinstalador, este não alterará alguns arquivos que você tenha criado na pasta gretl/user, mas apagará quaisquer customizações que tenham sido feitas usando o menu Preferências, e assim você terá que as repetir quando iniciar a nova versão do programa..

Usando gretl a partir de uma rede

Existe uma página com conselhos aqui para quem queira configurar o gretl em Windows de modo a correr numa rede, como por exemplo num laboratório de computadores.

Produzindo gretl para Windows

Se você desejar produzir o gretl para Windows, obtenha o pacote do código fonte (ir aqui para encontrar o mais recente) e veja no sub-diretório win32. Irá encontrar um Makefile para a versão Windows: na realidade está desenhado para compilação cruzada do gretl em Linux, mas não deve ser muito complicado modificá-lo para produzir no Windows, em particular se estiver usando o compilador mingw32.